Preso suspeito da morte da menina Beatriz Angelica em Petrolina

Preso suspeito da morte da menina Beatriz Angelica em Petrolina

Um homem, que ainda não teve a identidade revelada, foi preso nesta segunda-feira (30), suspeito de matar um funcionário público da Prefeitura de Lagoa Grande, no Sertão. A Polícia Civil de Pernambuco (PCPE) investiga uma possível ligação dele com o assassinato da menina Beatriz Angélica Mota, de 7 anos, morta a facadas no dia 10 de dezembro de 2015, durante uma festa em uma escola em Petrolina.

De acordo com o titular da Delegacia de Lagoa Nova, Wagner Volpi, o suspeito, de 27 anos, foi transferido para a Delegacia de Petrolina devido a revolta dos moradores da região. Ainda segundo o delegado, o suspeito já teve passagens anteriores pelas Delegacias de Caruaru e Petrolina por tráfico de drogas.

A saliva do suspeito foi coletada para comparar com o material genético encontrado na faca usada para matar Beatriz. O material recolhido deve chegar nesta terça (31) ao Laboratório de Perícia e Pesquisa em Genética Forense, localizado no bairro de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes. Em nota enviada à imprensa, a PCPE informa que o resultado do DNA deve sair em até 10 dias.

Redação

Redação

Ver posts deste autor

http://www.semmeiaspalavras.com.br

Selfies labore, leggings cupidatat sunt taxidermy umami fanny pack typewriter hoodie art party voluptate. Listicle meditation paleo, drinking vinegar sint direct trade.

Comente com o facebook